Após arrastão em ônibus, Capitão da Polícia Militar faz declaração

Após assalto ao ônibus com universitários de Jacaraú na noite da última segunda-feira (17), onde homem armados e encapuzados agrediram o motorista e mantiveram as vítimas sob mira de revólveres, levando celulares, notebooks, relógios e dinheiro, o Comandante da Segunda Companhia de Polícia Militar de Mamanguape, Capitão Alberto Filho, fez uma declaração de indignação e repúdio à conduta dos responsáveis pelo transporte dos estudantes.

Segundo o Capitão, os ônibus  que transportam os estudantes de Jacaraú eram sempre barrados pela fiscalização do Posto da Polícia Federal, na BR 101, por várias irregularidades. Nos últimos dias, para burlar esta fiscalização, o veículo em questão fazia desvios por vias vicinais, passando pela mata que dá acesso a Bica de sertãozinho, em Mamanguape; local considerado de alta periculosidade pelas autoridades policiais.

Para o Capitão, a atitude tomada pelo Secretário de Transportes do Município colocou a vida dos estudantes em risco iminente e foi uma sorte muito grande algo pior não ter acontecido. “A segurança desses aluno é responsabilidade das autoridades de Jacaraú”.

Assim que avisados, a Polícia fez diligências próximo ao local em que ocorreu o assalto, porém, por receio das vítimas, o aviso foi feito tarde demais.

A Policia Militar faz rondas periódicas em lugares ermos, mas a rota escolhida pela Prefeitura de Jacaraú é extremamente perigosa- garantiu. A probalidade de um crime no local era anunciado. “Irresponsabilidade de quem tem a responsabilidade e dever de transportar os alunos com a devida segurança e cuidados. Aí eu pergunto: -Que culpa tem a Polícia?”- frisou.

DECLARAÇÃO DO SECRETÁRIO DE TRANSPORTES DE JACARAÚ:

Em declaração pública em participação em programa de rádio, o secretário de transportes de Jacaraú, senhor Edilson Lopes, popular Lavandeira, assumiu a responsabilidade do desvio na rota e informou que era feito sem o conhecimento do Prefeito Elias Costa (PMDB).

Em entrevista ao ManchetePb, Lavandeira disse que orientava o motorista e que acreditava que o desvio era uma alternativa, uma vez que a regularização dos ônibus só será feita a partir do dia 28 deste mês.

Lavandeira ainda culpou a antiga gestão pela situação precária em que encontrou os ônibus e ainda atribuiu as denúncias frequentes à PRF a oposição, mesmo sem provas.  Ele ainda concluiu informando que a partir de hoje (18), um ônibus será locado para o transporte desses alunos.

Sobre matéria divulgada noticiando a falta de transporte para João Pessoa a partir desta terça-feira, segundo informações, por falta de pagamento de motoristas e veículo; o Secretário negou. “O transporte para os universitários de Jacaraú está garantido, não há falta de pagamento nenhum”- disse.

Não sabemos como o Prefeito reagiu às declarações polêmicas de seu Secretário, ou se os estudantes pretendem ingressar com algum processo contra a Prefeitura Municipal de Jacaraú. O fato é que já passou da hora dessa gestão chamar a responsabilidade para si e buscar alternativas (legais) para os problemas da Cidade, tendo a consciência de que quando eleitos assumiram os ônus e os bônus da administração pública.

Pery Camilo

 

COMPARTILHAR