Corinthians desiste de Júnior Dutra e agora foca em Roger em 2018

Roger, do Botafogo, está na mira do Corinthians (Foto: Giuliano Gomes/Estadão Conteúdo)

O atacante Júnior Dutra, do Avaí, chegou a ser tratado como reforço praticamente certo para o Corinthians em 2018, mas não deve mais defender o clube paulista. A postura dos representantes do jogador irritou a diretoria corintiana, que decidiu dar por encerrada as negociações com o atleta. Em busca de outra opção para o ataque, o clube monitora a situação de Roger, do Botafogo.

“Não existe nenhuma negociação com o Dutra. O Roger, nós conversamos há meses e agora vamos aguardar os representantes dele para saber se vão renovar com o Botafogo”, explicou o presidente do Corinthians, Roberto de Andrade.

O Estado apurou que o acerto com Júnior Dutra estava por detalhes e que os dirigentes até já trocavam minutas do contrato mas o Corinthians desistiu do negócio por se irritar com o comportamento dos representantes do atleta, que deram entrevistas falando abertamente sobre a negociação e também fizeram exigências que a diretoria considerou exagerada para um atleta que, inicialmente, viria apenas para compor elenco e não para ser protagonista.

Já Roger se recupera de uma cirurgia para a retirada de um tumor no rim e não deve voltar aos gramados nesta temporada. O jogador ainda tem contrato com o Botafogo até dezembro e discutia uma possível renovação do vínculo quando descobriu o problema de saúde.

O Corinthians manifestou interesse no atacante, mas espera ele definir o futuro com o Botafogo. A contratação de um centroavante está entre as prioridades para o ano que vem. Jô, embora tenha propostas para sair, deve ficar para a disputa da Copa Libertadores.

Do Estadão Conteúdo

COMPARTILHAR