Um empresário foi preso por policiais da 3ª Companhia do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) no início da tarde de terça-feira (16), na cidade de Caiçara, no Brejo paraibano, suspeito de furto de energia elétrica, popularmente conhecido como “gato”.

A guarnição comandada pelo soldado Gérson realizava diligências quando foi acionada por um funcionário da empresa distribuidora de energia para averiguar o furto de energia em um estabelecimento comercial.

O funcionário da distribuidora constatou o “gato”, já que a energia estava sendo fornecida sem passar pela medição. Diante do flagrante, o empresário foi preso e conduzido à Delegacia de Polícia Civil. O crime é previsto no Código Penal, no inciso 3 do artigo 155 e prevê ainda pena de um a quatro anos de prisão e pagamento de multa.