Definidas as coligações para a campanha eleitoral deste ano, o candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, terá direito a mais tempo de TV que outros cinco rivais somados (Lula, Henrique Meirelles, Alvaro Dias, Ciro Gomes e Marina Silva).

Ao todo, segundo levantamento com base em estudo de analistas do banco BTG Pactual, Alckmin terá direito a 6 minutos e 3 segundos de tempo de TV em cada bloco de propaganda, cujo tempo total é de 12 minutos e 30 segundos.

Juntos, Lula (PT), Henrique Meirelles (MDB), Alvaro Dias (Pode), Ciro Gomes (PDT) e Marina Silva (Rede) terão direito a 5 minutos e 7 segundos.

Geraldo Alckmin (PSDB, PP, PTB, PSD, SD, PRB, DEM, PPS, PR): 6min3seg

Lula (PT, PCdoB, PROS, PCO): 2min7seg

Henrique Meirelles (MDB, PHS): 1min38seg

Alvaro Dias (Pode, PSC, PRP, PTC): 33seg

Ciro Gomes (PDT, Avante): 33seg

Marina Silva (Rede, PV): 16seg

O resultado tem como base um levantamento feito por analistas do banco BTG Pactual sobre o cenário das eleições. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que só definirá os tempos oficiais após o dia 15 deste mês, quando acaba o prazo para registro das candidaturas.

Nas últimas duas semanas, os 35 partidos fizeram convenções para definir quem lançar como candidato à Presidência; quem apoiar na disputa; e, até mesmo, optar por não lançar candidato nem apoiar algum postulante ao Palácio do Planalto.

Ao todo, as convenções resultaram no lançamento de 14 candidaturas, mas o número vai baixar porque o PCdoB decidiu retirar a candidatura de Manuela D’Ávila para ela ser candidata a vice-presidente na chapa do PT.

Da redação com G1