Mulher é achada morta e com pernas amarradas em canavial

O corpo de uma mulher foi encontrado em um canavial de uma usina na cidade de Santa Rita, cidade da região da Grande João Pessoa, no domingo (18). De acordo com a Polícia Militar, a mulher estava com as pernas amarradas, a cabeça coberta por lençóis e com marcas de violência pelo corpo. Até o início da manhã desta segunda-feira (19), o corpo da mulher seguia sem identificação.

O caso foi registrado pela Delegacia de Homicídios de João Pessoa, uma vez que a delegacia de Santa Rita não funciona em regime de plantão. De acordo com o delegado Giovani Giacomelli, o rosto da vítima estava desfigurado. O corpo foi encontrado por moradores da área, que comunicaram à Polícia Militar pelo telefone.

“A mulher foi muito agredida, bateram muito no rosto dela. Pela situação que encontramos no local, percebe-se que ela foi morta em um local e teve o corpo deixado no canavial”, comentou o delegado. Ainda conforme Giacomelli, as pernas da vitima estavam amarradas por um pano e um lençol estava enrolado ao corpo.

A Polícia Civil pediu que pessoas que tiverem com parentes desaparecidos do sexo feminino, se puderem, compareçam à Gerência Executiva de Medicina e Odontologia Legal (Gemol), no bairro Cristo Redentor, em João Pessoa, tendo em vista que a mulher não portava documentos. O caso deve ser transferido para Delegacia de Homicídios de Santa Rita.

Do G1 Paraíba

COMPARTILHAR