Com um lance de R$ 1,9 bilhão, a empresa espanhola Aena Dessarollo Internacional arrematou seis aeroportos nordestinos, entre eles o Castro Pinto, na Grande João Pessoa, e o João Suassuna, em Campina Grande. O valor foi mais de 1.000% superior ao lance mínimo estabelecido pelo edital do leilão, que era de R$ 219 milhões. O leilão aconteceu nesta sexta-feira (15) em São Paulo.

A Aena Dessarollo Internacional é uma operadora global de serviços aeroportuários responsável pela gestão de 16 aeroportos em quatro países. Junto com os aeroportos paraibanos, ela também arrematou os terminais de Recife (PE); Maceió (AL); Aracaju (SE) e Juazeiro do Norte (CE).

Com o leilão desta sexta, quase 70% do tráfego aéreo brasileiro será em aeroportos administrados pela iniciativa privada.

Valdelânio Benjamim – ManchetePB / Jornal Paraíba