O deputado federal eleito, Julian Lemos (PSL), na noite dessa quarta-feira (5) usou as redes sociais para rebater o filho de Jair Bolsonaro, Carlos Bolsonaro (PSL), que o acusou de mentir ao afirmar que era coordenador do militar no Nordeste e deixou a entender que o paraibano estaria se aproveitando da imagem do presidente eleito.

Após publicar uma vídeo como forma de resposta a Carlos, que disse que Julian não era o coordenador de Bolsonaro no Nordeste, o paraibano discutiu com o vereador carioca no instagram.

Replica…

Não satisfeito com a publicação, Carlos Bolsonaro comentou: “Senhor Julian Lemos, não adianta postar vídeo antigo para se esconder atrás de meu pai, que apenas colaborou com sua campanha na Paraíba. Sua retórica sempre foi totalmente previsível. Quem elegeu Bolsonaro foram as pessoas de todos os segmentos e que nenhum momento pleiteiam algo a mais, a não ser um Brasil melhor! No vídeo você era candidato e Bolsoanaro quis somente lhe ajudar, como fez com várias pessoas. Não use isso para aparecer atrás dele por algum motivo como vem fazendo a todo momento”, publicou.

Treplica…

Julian Lemos não gostou nada da resposta do filho do aliado e afirmou está sendo alvo de ataques gratuitos.

“Prezado Carlos, não irei expor seu pai, que é meu amigo, se você não o respeita, eu sim, um vídeo novo resolveria? Eu tenho! Mas não é esse o caso, não ataque gratuitamente os soldados do seu pai, sem motivos. Essa guerra é longa e cada soldado é importante, eu sou um deles quer você queira ou não. Por respeito a ele, unicamente a ele, irei parar a discussão, espero que encontre paz no seu coração. Você não é meu alvo nem meu inimigo. Quanto ao Nordeste pouco sabes, nunca pusestes os pés lá”, diz texto postado.

*A impreção que fica é que  missão Julian acabou no momento em que Bolsonaro foi eleito!!!

Valdelânio Benjamim – ManchetePB