‘Thor: Ragnarok’ entra em cartaz nos cinemas da Paraíba

Chris Hemsworth e Mark Ruffalo são amigos e rivais em ‘Thor: Ragnarok’

O terceiro filme da franquia Thor chega aos cinemas brasileiros antes mesmo da estreia norte-americana. A partir desta quinta-feira (26), poderemos conferir Thor – Ragnarok, enquanto os americanos precisarão esperar até o dia 3 de novembro para assistir o filme na telona.

Sempre reforçando o universo compartilhado da Marvel, aqui temos a presença de outros heróis: Hulk (Mark Ruffalo), principalmente, mas também o Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch). De certa forma, o filme explica porque Thor e Hulk não deram as caras em Capitão América – Guerra Civil (2016). A história dessa nova aventura começa com Loki no trono de Asgard disfarçado de Odin (como foi visto no final de Thor – O Reino Sombrio, 2013). Hela, a Deusa da Morte – vilã interpretada por ninguém menos que Cate Blanchett –, aproveita a oportunidade para invadir e exilar Loki e Thor em um planeta caótico chamado Sakaar, um local extremamente violento. Thor é mantido escravo e é forçado a lutar como gladiador contra Hulk, que também está aprisionado por lá. Desde os primeiros trailers, era possível notar que o novo filme traria diferenças significativas em relação aos dois primeiros.

A cafonice continua, mas entra em cena uma profusão de cores que lembra a paleta de outra franquia do universo Marvel, Guardiões da Galáxia. A inspiração vem da concepção visual do desenhista Jack Kirby para o personagem nos quadrinhos publicados na década de 1960. O filme pendeu mais para a comédia, o que tem garantido elogios da crítica. Não é por acaso: essa dinâmica já era explorado na relação entre Thor e Hulk nos Vingadores. As informações são do Correio da Paraíba.

COMPARTILHAR