Mônica transmitiu a conversa pelo seu perfil nas redes sociais.

Nesta segunda-feira (10) a prefeita de Pilõezinhos, Mônica Cristina (PSB), concedeu entrevista na Rádio Pilõezinhos FM, e fez uma prestação de contas de suas ações como gestora do município desde janeiro de 2017.

Discorrendo sobre várias áreas da administração, Mônica lembrou grandes conquistas como a ampliação da ponte central, a pavimentação de 14 ruas, reformas de postos de saúde e escolas, ajustes salarias e recuperação financeira do Instituto de Previdência, aquisição de nova frota de veículos, aluguel social, transporte universitário, asfaltamento das ruas centrais, entre outras obras e serviços.

Respondendo aos ataques dos opositores Mônica questionou a afirmação: “Em Pilõezinhos falta um prefeito”. Para ela há somente duas justificativas para essa afirmativa: uma, se a gestão fosse um desastre e, a outra, o preconceito pelo fato de uma mulher gerir os destinos do município. “É difícil entender esse machismo. Como assim falta um prefeito? Pilõezinhos tem uma mulher, uma prefeita que honra seus compromissos e respeita a todos. Não aceito essa discriminação”, declarou.

Sobre as próximas eleições, Mônica disse está bastante confiante na vitória do trabalho. “Já imaginou o progresso que podemos atingir com mais quatros anos de uma gestão assim?”, refletiu.

Durante a entrevista a vice-prefeita Risoleida Uchoa (PSB) registrou o nome de dezenas adesões de famílias.

Por fim, a prefeita desejou sucesso ao seu concorrente Marcelo do Sindicato, pedindo que Deus o abençoe juntamente com sua família.

ManchetePB