Suspeito ainda foi flagrado por posse ilegal de arma (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Um homem de 39 anos foi preso nesta segunda-feira (19) suspeito de estuprar o filho ao longo de quatro anos em Solânea, no Agreste paraibano. Conforme a polícia, os abusos teriam começado quando a menino tinha 13 anos de idade. Hoje, o jovem tem 17 anos. O suspeito ainda foi flagrado por posse ilegal de arma.

De acordo com informações repassadas pela 7ª Companhia de Polícia Militar, após denúncias, policiais se deslocaram a residência de Alexandre Serafim da Silva e o deteram. No quarto do acusado, a polícia encontrou um revólver calibre 38 e várias munições.

Em depoimento, a esposa do suspeito disse que passou a sofrer ameaças de morte depois que descobriu o abuso sexual contra o filho. Segundo ela, o marido avisava que caso ela relatasse o caso para a polícia, ela seria assassinada.

Alexandre foi preso e levado para a Delegacia Plantonista de Solânea. Ele irá responder pelos crimes de estupro de vulnerável, ameaça e posse ilegal de arma de fogo.